Página Inicial / Fique por dentro / Notícias / 2019 / Novembro / Fundação fala sobre evolução e implantação da Previdência Complementar em estados e municípios

Fundação fala sobre evolução e implantação da Previdência Complementar em estados e municípios

Brasília, 26 de novembro de 2019

Facebook Twitter Google + LinkedIn WhatsApp

A Funpresp participou do 18º Congresso Nacional de Previdência da Associação Nacional de Entidades de Previdência de Estados e Municípios (Aneprem), em Maceió (AL), realizado no período de 18 a 20 de novembro. O encontro contou com a participação de mil representantes da área de Previdência dos entes.

No evento, o diretor-presidente da Funpresp, Ricardo Pena, falou sobre “Previdência Complementar: evolução e implantação em estados e municípios” a gestores dos entes da Federação e técnicos da área. O tema é relacionado à possibilidade de a Funpresp administrar planos de benefícios fora do âmbito federal, conforme texto do Projeto de Lei 6088/2016, em tramitação no Congresso Nacional.

Pena também discorreu sobre o nível de governança exigida na Previdência Complementar, sobre as vantagens dos planos administrados pela Funpresp e destacou o porquê de a Entidade estar preparada para administrar a previdência dos servidores públicos estaduais e municipais, caso o PL 6088/2016 seja aprovado.

“A ideia é que, com a aprovação do PL, a Funpresp possa ser mais uma opção para esse público. O nosso diferencial é que nós já conhecemos as necessidades e sabemos como dialogar com os servidores, podendo assim oferecer essa solução. Além, é claro, do fato de esses servidores entrarem em uma Entidade que já está em pleno funcionamento, com uma série de benefícios para os seus participantes”, disse.

O congresso também discutiu temáticas relacionadas à previdência dos servidores públicos e à atual conjuntura econômica em evidência na agenda previdenciária. Outros palestrantes também marcaram presença, como Luís Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e Leonardo Rolim, secretário de Previdência do Ministério da Economia.