Brasília, 19/02/2018 – O mestre em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e diretor de Compliance da Franklin Templeton Investimentos, Luís Fernando Afonso, destaca fatores que auxiliam na supervisão baseada em riscos. No programa Falando de Previdência, ele defende que a priorização é um fator eficiente no que se refere a minimizar riscos.

Confira o vídeo: