Brasília, 15/05/2017 – Os colaboradores da Funpresp puderam assistir, na quinta-feira (04/05), a palestra “Cuidados de Longa Duração para Idosos: Estimativas e Projeções para o Brasil”. O tema foi tratado pela professora da Universidade Federal do Ceará (UFC) Alane Siqueira Rocha no auditório da Fundação. Doutora em Demografia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a especialista atua nas áreas de taxas e estimativas demográficas e previdência social.

Alane falou sobre um assunto ainda pouco discutido no Brasil, o risco de dependência funcional – quando um idoso precisa de cuidados e ajuda para desempenhar algumas atividades. Segundo ela, o tema tem ganhado importância por conta de dois fatores: o processo de envelhecimento da sociedade e o aumento da longevidade. “As pessoas têm vivido mais e têm tido menos filhos, isso faz com que mais idosos precisem de cuidado e que haja menos pessoas da família para dar esse suporte”, explicou.

Por conta da dependência funcional, há a necessidade de cuidado de longa duração. Segundo a especialista, a família é a principal cuidadora, com destaque para as mulheres. “Há o cuidado formal, com cuidadores, por exemplo, e o informal, que é feito a própria família. Em ambos, as mulheres são as que mais atuam”, constatou Alane e disse que, no Brasil, ainda há uma carência na oferta de redes de suporte.

A professora realizou um estudo para estimar os custos de implementação de uma cobertura de benefícios voltados para dependência funcional. Ela analisou políticas nacionais e internacionais e constatou que, em diversos países, o risco de dependência foi incorporado à seguridade social. Segundo Alane, a tendência é que a rede de suporte, tanto por meio de políticas sociais quanto as ofertadas por seguros privados, aumente no Brasil, pois a previsão é que, em 2050, 29,4% da população seja idosa.

Café Funpresp – O ciclo de palestras traz à Funpresp convidados para falar sobre diversos temas aos empregados e colaboradores da Fundação. A atividade faz parte do Plano Anual de Capacitação.