Brasília, 05/12/2016 – A expectativa de vida do brasileiro nascido em 2015 é de 75 anos, 5 meses e 26 dias, segundo dados divulgados na quinta-feira (01/12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O número representa um aumento de 3 meses e 14 dias em relação ao ano anterior. O aumento da esperança de vida reafirma a necessidade de se pensar no futuro, com planejamento para o período de aposentadoria.

Ao servidor público federal do Poder Executivo e Legislativo, é resguardado o direito aos planos de benefícios administrados pela Funpresp-Exe. Os benefícios são voltados, principalmente, para os servidores que entraram no serviço público federal a partir de 4 de fevereiro de 2013 e recebem acima do teto do INSS, hoje de R$ 5.189,82. Com a instituição do Regime de Previdência Complementar (RPC), quem entrou em exercício a partir dessa data terá a aposentadoria limitada ao teto. A Funpresp-Exe é uma alternativa para que o servidor faça uma reserva previdenciária e complemente a renda no futuro.

Os planos de benefícios da Fundação contam com a paridade do órgão patrocinador. Isto significa que a cada real contribuído, a União também repassa o mesmo valor. Portanto, caso a contribuição seja de R$ 500, o patrocinador repassa mais R$ 500 para o plano de benefícios, totalizando a arrecadação em R$ 1 mil no mês.

Os servidores que já participam dos planos, podem reforçar a proteção com contribuições facultativas, feitas a qualquer momento e com o valor definido pelo próprio servidor. Além de reservar a quantia para o futuro, ele pode aproveitar o benefício fiscal de até 20,5% dos rendimentos tributáveis no Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) – saiba mais aqui.

Além disso, o participante da Funpresp-Exe também conta com o Fundo de Cobertura de Benefícios Extraordinários (FCBE), que proporciona o benefício de sobrevivência.

Por gênero – Conforme os dados do IBGE, a esperança de vida entre as mulheres aumentou de 3 meses e 4 dias, passando de 78,8 anos, em 2014, para 79,1 anos, em 2015. Entre os homens, a expectativa de quem nasceu em 2015 é viver 71,9 anos, 3 meses e 22 dias a mais que no ano anterior, quando o número era 71,6 anos.

Os números são usados pelo Ministério da Previdência Social como um dos parâmetros para determinar o fator previdenciário, no cálculo das aposentadorias por tempo de contribuição do Regime Geral de Previdência Social (RGPS). Já a Funpresp-Exe utiliza como parâmetro atuarial para pagamento dos benefícios para os dois planos (ExecPrev e LegisPrev) a Tábua RP-2000 segmentada por sexo, que tem expectativa de vida de 82 anos para os homens e 86 anos para as mulheres.